contador de visitas

Como diferentes países estão regulando as criptomoedas

Como diferentes países estão regulando as criptomoedas

Quanto mais pessoas estão se envolvendo com Criptomoedas como Bitcoin, Ethereum e Litecoin, entre outros, os reguladores voltaram sua atenção para o setor. O surgimento das novas tecnologias fez com que reguladores de diferentes países apresentassem medidas para controlar o setor. Da China aos EUA e países europeus, os governos estão trabalhando incansavelmente para controlar a nova inovação.

Uma coisa importante a notar é que qualquer regulação depende de como uma determinada jurisdição trata as Criptomoedas. Alguns países os veem como commodities, enquanto outros como títulos. Alguns governos já foram em frente para regular a mineração de criptografia. Crowdfunding e ICOs são outros componentes importantes do espaço criptográfico que os governos estão tentando regulamentar.

Regulamentação da criptomoeda na Ásia

A Ásia hospeda alguns dos jogadores mais importantes no comércio de criptografia. Embora a China tenha sido o principal mercado de Criptomoeda na região, a Coreia do Sul e o Japão se tornaram os principais protagonistas, graças à regulamentação favorável. A China foi o maior mercado de criptomoedas até a 2014 quando o governo proibiu o comércio. Desde então, o governo tem como alvo as ofertas iniciais de moedas (ICOs) e até mesmo a mineração Crypto.

Na Coréia do Sul, o governo, por meio da Comissão de Serviços Financeiros da Coréia do Sul (FSC), trouxe as bolsas para o setor jurídico. A introdução dos regulamentos Crypto no país controlou o uso de Criptomoedas em atividades ilegais como lavagem de dinheiro. A criação do Financial Innovation Bureau é um gesto que o governo adotou no setor.

Enquanto a China lutava contra as criptomoedas, o Japão aproveitou a oportunidade para estabelecer políticas para atrair empresas Crypto no país. Através da Financial Services Agency (FSA), o governo registrou várias trocas de Crypto. O governo está determinado a garantir que somente as empresas Crypto que garantam a segurança dos investidores sejam permitidas.

Regulamentação da criptomoeda nos EUA e na UE

Enquanto a maioria dos países asiáticos já adotou leis para regulamentar o setor de criptografia, suas contrapartes ocidentais ficaram para trás. No entanto, embora a maioria dos países desenvolvidos tenha advertido as pessoas sobre os riscos de investir no setor, algumas recorrem agora à regulamentação.

Os EUA estão considerando regulamentar o setor de criptografia usando as leis existentes. Recentemente, a SEC, usando uma técnica chamada “Howey Test”, indicou que Bitcoin e Ether devem ser tratados como títulos. O cão de guarda deixou claro que não alterará as leis de segurança para acomodar Criptogravuras. A agência também está correndo atrás de ICOs fraudulentas dentro de sua jurisdição.

Embora a União Europeia (UE) seja composta por muitos países, existe um consenso geral de membros importantes sobre a necessidade de se ter uma abordagem harmonizada para este setor. Em um país como a Letônia, que é membro da UE, o governo avançou e se tornou um importante centro de empresas de criptografia na região.

Próximos hubs de criptografiaPróximos hubs de criptografia

Alguns territórios e países fizeram grandes progressos no sentido de se tornarem destino preferido das empresas Crypto. No início deste ano, Gibraltar aprovou a lei do Marco Regulatório da Distributed Ledger Technology que dá ao regulador financeiro do país a responsabilidade de licenciar os negócios da Crypto. Malta já aprovou três leis destinadas a regulamentar o setor e atrair empresas Crypto. A Suíça criou o “Crypto Valley” em Zug, onde as empresas de Criptomoeda e Blockchain desfrutam de incentivos.

Consideração Final Sobre Regulamento

Com o aumento da popularidade das Criptomoedas, os governos estão pensando em regulamentar o setor. Enquanto o comércio de criptografia foi banido em alguns lugares, a maioria dos países parece estar determinada a regulamentar o setor. O que é certo, no entanto, é que, no futuro, haverá mais regulamentações para controlar as moedas virtuais e o Blockchain.

anterior "
Próximo »